Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Junho, 2009

Lust, Caution

Imagem7
É o novo filme do diretor chinês Ang Lee, o mesmo de Brokeback Montain, e aqui traduzido para Desejo e Perigo.
O filme é lindíssimo, mas causou discussão sobre as cenas de sexo (aposto que deve ter sido nos Estados Unidos, o pessoal lá parece que tem problemas com este assunto). Mas o que me fascinou neste filme é o embate que ocorre entre os gêneros. A espiã, lindamente vestida, com casacos de chuva e vestidos chineses, relógio fininho dourado e chapéu deve seduzir um alto funcionário do governo japonês, no período em que eles invadiram a China. Ele na verdade é um torturador de prisoneiros da resistência chinesa. Ele nunca sorri. Temos então a delicadeza e a sedução feminina contra a aridez, objetividade e agressividade masculinas. Os closes que realçam este jogo (o olhar duro do algoz, seu sorriso cínico e depois uma pequena lágrima, o batom, o perfume, as jóias, todos os arsenais da sedução) dão mais força à situação. O filme possui muitas outras nuances, mas esta foi a que me chamou mais a atenção, porque nos dias de hoje, os gêneros andam um tanto confusos, não? Seria bom que as mulheres voltassem a ser mulheres (e não mulheres disfarçadas de homens) e os homens, homens (e não seres perdidos com a emancipação e masculinização feminina), sem voltarmos ao velho machismo e ao feminismo que acho que não nos servem mais.

Read Full Post »

gatinha1O post que mais recebe comentários por aqui é o das celebridades usando casacos de pele. Fico feliz porque a preservação da vida animal é um dos temas que mais me preocupam. Imagine a energia de se vestir com algo que custou o sofrimento de seres vivo?
Tenho desde pequena, uma relação muito próxima aos animais. Morava no interior e sempre fui daquelas que levava um monte de bicho perdido prá casa. Ainda hoje, encontro muitos bichinhos por aí. A última foi esta da foto. Ela teve muita sorte mesmo, estava perdida na Vila Madalena, e chegando numa festa, dei de cara com ela deitadinha no sofá. Trabalhamos em conjunto. Levei-a prá casa e no outro dia, depois de procurar o dono pela Vila Madalena, a Zoe, que também se encantou por ela na festa, acabou arrumando um dono muito legal prá malhadinha. Tenho um profundo respeito pelos animais. Porque acredito que se não fosse por eles, não estaríamos aqui. Dá-me também uma sensação de que não estamos sozinhos, temos companheiros nesta casa chamada Terra. Num momento em que desacredito casa vez mais  no ser humano (penso nisso todos os dias depois de ler o jornal), ter amigos assim é uma benção! Se você quer um bichinho, não precisa pagar um dinheirão, é só ter uma provisão de mais ou menos R$ 100 por mês, tempo prá cuidar dele e procurar algum desses lugares para adotar um amigo:

Vira-lata é Dez.

Loucos por Bichos.

Centro de Controle de Zoonoses.

Adote um Gatinho.

Projeto Cel.

Quintal de São Francisco.

União Internacional Protetora dos Animais.

Bicho no Parque.

Solidariedade à Vida Animal.

Adote um Amiguinho.

Read Full Post »